Matar Para Não Morrer

dilermando“Uma surpresa desagradável aguardava a historiadora Mary Del Priore tão logo terminou a escrita de Matar Para Não Morrer (Objetiva, 160 págs., R$ 29,90) em que narra o assassinato do escritor Euclides da Cunha por Dilermando de Assis, amante de sua mulher, Anna, em 1909. “Como sempre faço, enviei uma cópia do texto para os herdeiros dos personagens para eventuais comentários”, conta ela que, em troca, foi aconselhada a não publicar o livro sob a pena de ser processada – os netos discordavam da forma como foram apresentados determinados fatos e prometiam recorrer a advogados”.

aqui

ao topo