Melhor filme 2009: Guerra ao Terror

A National Society of Film Critics, uma das principais e mais respeitadas associações de críticos dos Estados Unidos, anunciou neste domingo que elegeu “Guerra ao Terror” o melhor filme do ano no país.

O filme de guerra, que foi lançado diretamente em DVD aqui e, por conta das premiações, terá um lançamento nos cinemas brasileiros em fevereiro, também ganhou os prêmios de melhor direção (para Kathryn Bigelow) e ator (para Jeremy Renner).

Outra particularidade do prêmio da NDFC este ano foi a divisão de ator coadjuvante entre Christoph Waltz (“Bastardos inglórios”) e Paul Schneider (“Bright Star”). Waltz parece ser uma unanimidade entre os críticos e profissionais da indústria do cinema, assim como Mo’nique, a jovem atriz de “Precious”. Os dois estão ganhando quase todos dos prêmios que antecedem o Globo de Ouro – no qual foi indicado a melhor filme de drama, direção e roteiro – e o Oscar.

Sediada em Nova York, a NSFC nasceu em 1966 e tinha entre seus associados nomes como o da feroz crítica da revista “New Yorker”, Pauline Kael, e do então títular da revista “Life”, Richard Schickel. Hoje, fazem parte do quadro cerca de cem jornalistas especializados que escrevem em publicações nacionais.

A lista completa

Melhor filme: “Guerra ao Terror”
Melhor direção: Kathryn Bigelow, “Guerra ao Terror”
Melhor ator: Jeremy Renner, “Guerra ao Terror”
Melhor atriz: Yolande Moreau, “Seraphine”
Melhor ator coadjuvante: Christoph Waltz, “Bastardos Inglórios,” and Paul Schneider, “Bright Star”
Melhor atriz coadjuvante: Mo’Nique, “Precious”
Melhor roteiro: Joel and Ethan Coen, “A Serious Man”
Melhor filme de língua estrangeira: “Horas de Verão”
Melhor filme de não-ficção: “The Beaches of Agnes”
Fotografia: Christian Berger, “A Fita Branca”
Direção de arte: Nelson Lowry, “O Fantástico Sr. Raposo”

(Da redação do Uol)

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 4 =

ao topo