Morre Harvey Pekar

O Globo
Por Telio Navega

Um dos autores mais rabugentos dos quadrinhos não está mais entre nós. O genial Harvey Pekar, criador da série “American Splendor”, sobre sua vidinha simples e bem mais ou menos, foi encontrado morto, por sua esposa, Joyce Brabner, nesta madrugada. Pekar, que já teve publicado no Brasil o álbum “Bob & Harv” (Conrad), feito em parceria com o mitológio Robert Crumb, tinha 70 anos.

Conhecido por seus roteiros amargos, Pekar teve sua vida ainda mais exposta no filme “Anti-herói americano”, de 2003, onde Paul Giamatti incorporou o quadrinista. Ainda não se sabe a causa da morte de Pekar, mas ele revelou o diagnóstico de câncer linfático, descoberto em 1990, na forma de história em quadrinhos no álbum “Our cancer year”, inédito no Brasil e publicado nos EUA pela Running Press, em 1994.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × três =

ao topo