Morre Maria Della Costa

O ESTADO DE S. PAULO

Um dos nomes mais marcantes dos palcos do Brasil, atriz tinha 89 anos e foi vítima de edema pulmonar

Morreu sábado, 24, aos 89 anos, a atriz Maria Della Costa. Vítima de um edema pulmonar, era um dos nomes mais marcantes do teatro
brasileiro. Ela estava em sua casa quando passou mal e foi transferida para o Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro. Sem filhos e viúva de Sandro Polloni, Maria Della Costa será velada amanhã, a partir das 14h, em local ainda não definido.

Revelada nos anos 1940, Maria Della Costa chamou imediatamente a atenção pela beleza e por seu talento como intérprete. Natural de
Flores da Cunha,nascida em 1926, Maria mudou para Porto Alegre com sua mãe e na cidade foi descoberta por um caça talento da
Revista Globo. Estreou no teatro a convite de Bibi Ferreira, em uma montagem de A Moreninha.

Ao lado do segundo marido, Polloni, fundou em 1948 o Teatro Popular de Arte, origem da Companhia Maria Della Costa. Em São Paulo,
o grupo inaugurou seu teatro próprio em 1954. “Uma referência preciosa do bom teatro no Brasil”, considera a estudiosa Tania Brandão.
Para estruturar a companhia, o casal trouxe da Itália um dos maiores encenadores do palco nacional, Gianni Ratto.

Além de textos internacionais, também encennou grandes autores brasileiros. Na televisão fez sucessos como Beto Rockfeller e Estúpido
Cupido.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo