Música, futebol e política

MATANZA
No programa Família MTV de ontem com o grupo roqueiro Matanza, os bastidores do show deles no Galpão 29 em Natal, com produção de Anderson Foca. Imagens do baixista China pichando os azulejos da parede do camarim com um monte de besteira. Aliás, percebeu-se um total descompasso entre os integrantes da banda. Parece que só o vocalista Jimmy tem miolo na cabeça. E ao contrário da aparência meio grounge, o cara é cheio da grana, não bebe há dois anos e gosta de passear com a sobrinha. Um coração sentimental por trás do jeito rude. Bacana o programa.

DO SOL
Falar em Anderson Foca, o site do selo e rockbar DoSol é dos mais atualizados da mídia roqueira potiguar. Em uma das notícias, Foca aborda a possibilidade de o Dosolrockbar fechar. Desde que se mudou para a Ribeira, o bar se sustenta com recursos próprios. Com mais de mil shows no currículo, o roqueiro tem o projeto de transformar o rock bar em um ponto de cultura do Minc. A idéia é instalar ali workshops, oficinas, etc. Só assim para captar recursos. O velho Crispa parece rejeitar rock. A prosa dele é a cultura popular. Visão radical, claro. O endereço do site é www.dosol.com.br

MÚSICA
A Rádio Universitária (88,9 FM) já não é exclusiva no espaço cedido aos artistas potiguares. A Rádio Cidade (94,3 FM) também tem apostado no que há de melhor na musicalidade potiguar. Artistas da terra como Khrystal, Roberta Sá, Romildo Soares, Luciane Antunes, Valéria Oliveira, entre outros, têm cadeira cativa no novo espaço musical da Rádio, denominado “A Cidade Toca a Cidade”. A programação com os intérpretes e compositores potiguares já está no ar. Para fazer parte da seleção, precisa ter o perfil light da Rádio Cidade e enviar um CD para a Avenida do Sol, 3310 – Candelária. Informações pelo telefone 3231-0094.

GIL
O jornalista Alexandro Gurgel conseguiu o feito de uma entrevista exclusiva com o ministro da Cultura, o tropicalista Gilberto Gil e publicou tudo em seu blog (www.grandeponto.blogspot.com). Vai saber como ele conseguiu. Fato é que o ministro desenvolveu bem suas palavras. Imagino que a entrevista de poucas perguntas tenha durado umas cinco horas, a julgar pelo gaguejar do nobre músico. Da cultura potiguar, Gil disse conhecer apenas o Trio Irakitan e Ademilde Fonseca – “a rainha do chorinho brasileiro”. Uma pena, tão pouco conhecimento dos nossos valores. As perguntas ademais foram sobre os Pontos de Cultura.

BLOGS
Parece que o segredo para audiência em blogs é descer o pau em alguém ou falar de futebol. Pode perceber, amigo leitor, a quantidade de visitas e comentários em blogs do estilo. Uma avaliação pode ser feita no portal DNOnline. Três novos blogs estrearam semana passada por lá para falar de futebol. Os autores são torcedores fanáticos e de boa escrita: Luciano Kleiber e Rubens Lemos Filho, para comentar do América e ABC, respectivamente. Além de Marcos Trindade e os números do futebol. Fábio Pacheco permanece com o Bola Dividia. Eu daqui, continuo com meu Diário do Tempo, a tecer banalidades cotidianas para dois ou três leitores…

AGRIPINO
Está impagável o texto do jornalista Tutty Vasques sobre o senador José Agripino Maia publicado no Estadão. Algumas passagens: “Ainda que o Aurélio o considere ‘verbete inexistente’, agripino, segundo o Houaiss, é adjetivo. Diz-se de parto ‘em que a criança apresenta primeiro as nádegas’. Nada a ver, pelo menos não no sentido figurativo, com a expressão “nascer com o bumbum virado pra lua”. Agripino, em linguagem técnica de obstetra, não denota sorte na vida”. E mais: “Agripino, no sentido parlamentar da expressão, também é adjetivo de político que mete os pés pelas mãos”. E pergunta irônico, depois: “Está dando para entender melhor agora o que é Agripino?
”.

Comentários

Seja o primeiro a comentar
  1. DoSol Records 27 de maio de 2008 8:37

    crispa não jeita o rock não. no artende muito bem por lá e o show do matanza foi no dosolrockbar! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo