News from the sun

Ano Novo em Baía Formosa, um belo exemplo de como o homem pode cagar na cabeça da mãe natureza. A praia é definitivamente o pior exemplo de ocupação de litoral que já vi. O acidente geográfico que dá nome ao lugar continua esplendoroso, porém ninguém é doido de se aventurar a frequentá-lo com dois potentes canos despejando esgoto in natura dia e noite, noite e dia, direto na praia. Sobram a praia da Cacimba, em que as casas ficam praticamente dentro d’água, e a outra praia, logo depois, da qual não lembro o nome, pois todos só chamavam de ‘a praia do prefeito’. Um lugar onde, coincidentemente, a prefeitura conseguiu levantar uma bolada do governo federal para construir uma rua calçada que termina num estacionamento para carros, coincidentemente, em frente à pousada do bom administrador. Outro ponto turístico que vale a pena visitar, pertinho da pousada do prefeito, é a famosa casa camuflada que Carla Ubarana construiu e você pagou.

***

Natal um dia já teve uma praia massa, chamada Ponta Negra. Mas isso foi antes de Carlos Eduardo virar prefeito.

***

Aliás, o que tem de sobra no litoral potiguar é esgoto. Em todas as praias que visitei nessas férias, o que mais vi foi água servida escorrendo livre, leve e solta (e sem protetor solar) pelas ruas.

***

O calcanhar de Aquiles da imprensa potiguar chama-se sábado. Moacy Cirne foi a vítima mais recente desse fenômeno. Por sinal, 2013 foi um ano tão galado que vou colocar a perda do professor na conta dele.

***

E falando em jornais, HQs e correlatos, o Novo Jornal dá um bom exemplo ao valorizar a charge de Ivan Cabral em sua capa, mas não deveria deixar de publicá-las durante as férias do cara. Que por sinal são merecidíssimas, deixemos bem claro.

***

Flanando pela cidade, esbarro com o poeta Carlos Gurgel, que me mostra uma super bem-acabada edição de seu livro mais recente. O livro, porém, está retido na gráfica, segundo o poeta, devido a um calote de um dos patrocinadores, uma prefeitura da Grande Natal que faz divisa com o bairro de Igapó. Assim não tem prefeito que decole. É melhor ficar calado.

***

Sempre na viração, Gurgel mostrou-me uns bottons invocados impressos em tecido, com seus versos. Muito massa. Há uns 2 anos nos encontramos em João Pessoa e ele estava com umas camisetas bacanudas ilustradas com seus versos. Ah, esse comentário é cruzeta free, por favor.

***

Pouquíssimos rolés noturnos nas férias, mas abri mão da clausura pra curtir o Laboratório E-Music, dos DJs François Gomes e T. Yuri (identidade secreta do bróder Tádzio França), num Bardallo’s com quase ninguém em pleno sábado à noite. Perderam de bestas, porque foi bate-estaca classe A.

***

Como eu tenho mais medo de Tácito Costa do que de mula-sem-cabeça, vou tentar publicar uma besteirinha por semana aqui no SP só pra manter o status de colunista. Besos.

Jornalista, com passagem por várias redações de Natal. Atualmente trabalha na UFPB, como editor de publicações. Também é pesquisador de HQs e participa da editora Marca de Fantasia, especializada em livros sobre o tema. Publicou os livros “Moacy Cirne: Paixão e Sedução nos Quadrinhos” (Sebo Vermelho) e “Moacy Cirne: O gênio criativo dos quadrinhos” (Marsupial – reedição revista e ampliada), além de várias antologias de artigos científicos e contos literários. É pai de Helena e Ulisses. [ Ver todos os artigos ]

Comments

There are 4 comments for this article
  1. Nina Rizzi 20 de Janeiro de 2014 10:27

    Seus leitores agradecem então o medo do Tácito 🙂

  2. Marcos Silva
    Marcos Silva 20 de Janeiro de 2014 10:34

    Notas legais. A última é hilária. O status de colunista inclui cartão de crédito internacional sem limite.

  3. Tácito Costa
    Tácito Costa 20 de Janeiro de 2014 14:08

    Rapaz, acho mesmo bom, mas não precisa ser semanal, uma vez por semestre já te livra da guilhotina – rs.

  4. Anchieta Rolim 20 de Janeiro de 2014 14:19

    Alex, a praia de São Cristovão é aqui…E ainda não tem esgoto não. Se aprochegue homi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP