Novo poema de Monteiro será lançado quinta

O SP lança com exclusividade, no dia 12, quinta-feira, às 10 horas, o novo poema longo do escritor Fernando Monteiro, intitulado “E PARA QUE SER POETA EM TEMPOS DE PENÚRIA?”

O título é um verso retirado de poema do poeta Roberto Piva, que faleceu recentemente. Homenageia Piva e ao mesmo tempo reage com vigor à atual cena cultural/literária brasileira.

No sábado, 14, às 15h, o poema será lido durante a Flash Mob, na Bienal do Livro de São Paulo. A Flash Mob está sendo organizada por um grupo de jovens escritores do Sudeste. Já publicamos dois posts aqui sobre esse evento, ao qual nos integramos.

Comentários

Há 2 comentários para esta postagem
  1. Fernando Monteiro 8 de agosto de 2010 21:57

    Gustavo:

    Também penso que o verso de Piva — num dos seus últimos poemas — seja “uma ressonância a F. Holderlin na Elegia Pão e Vinho”, conforme você acaba de lembrar.
    Obrigado pelos votos de “sucesso” (porém, haverá sucesso “em tempos indigentes?”), e — em homenagem ao poeta e ao leitor que você é –, estou enviando para o seu e-mail o poema longo que o SP estampará quinta-feira. Até porque o texto tem alguns jogos gráficos (poucos, que eu não gosto de abusar deles) que o SP não poderá reproduzir, infelizmente…
    Boa semana para você, amigo!

  2. Gustavo de Castro 8 de agosto de 2010 20:28

    Gosto muito deste título, que penso ser uma ressonância de Roberto Piva a F. Holderlin na Elegia Pão e Vinho, que diz: “E para que poetas em tempos indigentes?”. É um belo poema. O Pedro Sussekind tem um belo texto escrito chamado “Poesia em tempo de indigência”. Sucesso com seu livro Monteiro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo