O analfabeto cultural

Por François Silvestre

O analfabeto cultural não é necessariamente inculto. Na maioria das vezes é instruído e até erudito. O analfabetismo cultural decorre de uma morbidez original. O analfabeto cultural não se satisfaz com a fonte de sua origem. Isso nada tem a ver com caráter ou instrução. Pode ser um excelente caráter e ter exuberante formação acadêmica.

aqui

Comentários

Há 5 comentários para esta postagem
  1. João da Mata 5 de outubro de 2010 13:59

    Leonidas,

    Parafraseando o “amar se aprende amando” , diria:
    Ensinar também se aprende errando.
    Continuo aprendendo e estudando.
    Com a certeza de que vou continuar errando.
    E ensinando,

    abraços fraternos:

  2. Leônidas 5 de outubro de 2010 13:47

    Tudo bem. Nunca é tarde para descobrir que é preciso primeiro aprender para poder ensinar. E quanto mais se aprende mais se descobre o ridículo de querer ensinar antes de aprender.

  3. João da Mata 5 de outubro de 2010 13:32

    Valeu Leônidas,

    A pressa é inimiga da perfeição . Confesso que ás vezes tenho dúvidas na conjugação do verbo.

    Muito Obrigado

  4. Leônidas 5 de outubro de 2010 11:25

    Comentário de utilidade pública. “Só ler a FSP, não”. O correto é “Só lê a FSP”. Apesar da pronúncia quase igual, o verbo aí está conjugado na terceira pessoa e não no infinitivo. Digo isso porque quem se declara escritor precisa conhecer mais ou menos a língua na qual escreve. o “porquê” aí está junto porque é conjunção explicativa e não pronome relativo. Obrigado.

  5. João da Mata 4 de outubro de 2010 15:59

    François, eu concordo. Ia comentar la no Jairo , mas la não tem um coments. O cara nega a sua origem. Nega que foi pobre. Nega a mãe. Tem vergonha dos pais.

    Tem um outro tipo que estou escrvendo sobre ele. É aquele que diz que conhece todo mundo. Esteve em todos os lugares. Leu e viu filmes nunca lidos ou vistos.

    Quando vece conta uma historia edificante, ele logo incorpora á sua biografia. Voce não conhece alguns com esse perfil

    Só ler a FSP. Diz que lutou na guerra do Vietnan

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo