O declínio da hegemonia americana na Ásia

barackPresidente dos EUA, Obama cumprimenta o presidente da China, Hu Jintao

“Uma vez que baixou a “poeira” da recente visita de Barack Obama à Ásia, com seu rastro de amargura – falta de energia na defesa dos direitos humanos ou na valorização da moeda chinesa – , uma constatação se impõe: o ocupante da Casa Branca não obteve mais de sua primeira turnê asiática, simplesmente porque os equilíbrios geopolíticos nessa parte do mundo mudaram, e porque os Estados Unidos não estão mais em posição de se comportar como potência hegemônica.” Le Monde

aqui

ao topo