“O homem é plenamente responsável”

“Mas se verdadeiramente a existência precede a essência, o homem é responsável por aquilo que é. Assim, o primeiro esforço do existencialismo é o de pôr todo o homem no domínio do que ele é e de lhe atribuir a total responsabilidade da sua existência. E, quando dizemos que o homem é responsável po si próprio, não queremos dizer que o homem é responsável pela sua estrita individualidade, mas que é responsável por todos os homens.” (O Existencialismo é um Humanismo, Jean-Paul Sartre, trad. e notas de Vergílio Ferreira, 2ª ed., Editorial Presença, Lisboa,  s/ano, pág.244).

Advogado público e escritor/poeta. Membro da Academia Norte-Rio-Grandense de Letras. [ Ver todos os artigos ]

ao topo