O príncipe e a psicanálise selvagem

Elogiando Dilma pela gentileza que ela lhe dedica (mensagem de cumprimento pelo aniversário, convite para almoço com Barack Obama), FHC declarou que Lula deve ter algum problema psicológico com ele.
Não sei como encarar essa declaração. Surto de senso comum num ex tão erudito? Falta de ter o que dizer? Não leu Maquiavel sobre as ações, inclusive verbais, do Príncipe? Não leu Freud sobre Psicanálise selvagem (diagnóstico irresponsável sobre os problemas psicológicos alheios)?
Opções possíveis:
1) Todo mundo tem problema psicológico, ter problema psicológico é normal.
2) FHC não tem nenhum problema psicológico só ele é normal em relação a todo mundo.
Parece Simão Bacamarte (personagem do brilhante conto longo “O Alienista”, de Machado de Assis).
Tem dias em que o silêncio vai bem. Noutras palavras: FHC perdeu uma boa oportunidade de manter a boca fechada.
Chave de ouro de FHC: os programas sociais do governo Lula são legais mas começaram todos com ele. Tadinho do povo!
Fica combinado assim: programa social é OBRIGAÇÃO de todo presidente. Ou, para citar um compositor maior de música popular: “Quem inventou o amor / Não fui eu / Não fui eu nem ninguém / Não fui eu nem ninguém” (Nem eu, de Dorival Caymmi).

Nasci em Natal (1950). Vivo em São Paulo desde 1970. Estudei História e Artes Visuais. Escrevo sobre História (Imprensa, Artes Visuais, Cinema Literatura, Ensino). Traduzo poemas e letras de canções (do inglês e do francês). Publiquei lvros pelas editoras Brasiliense, Marco Zero, Papirus, Paz e Terra, Perspectiva, EDUFRN e EDUFRJ. Canto música popular. Nado e malho [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo