Ovos de serpente chocam faz tempo

Por Tácito Costa

Um cartaz com quatro mulheres e um homem, brancos e bonitos, todos sorrindo, mostrando dentes perfeitos (estereótipos perfeitos do ‘coxinha’) e a frase “Impeachment Já” está circulando nas redes sociais, convocando para um ato público pelo impeachment da presidente da república.

Apareceu aqui na minha timeline do Facebook. Esse primeiro cartaz remeteu-me a um outro, que também faz a mesma convocação, e é assinado por grupos como Frente Potiguar pela Liberdade, Força Democrática do RN, Revoltados Online, Vermelho Nunca Mais. O primeiro não tem responsável pela convocação.

Todos com perfis aqui no Facebook. Curioso, visitei essas páginas e aproveitei para copiar o trecho abaixo postado pela tal Frente Potiguar pela Liberdade para dar a vocês uma idéia do tipo de pensamento e ideologia que impera na cabeça desse pessoal:

“OUTRA FRONTEIRA importante de combate pela liberdade é a da educação infanto-juvenil. Vivemos no Brasil uma grande hegemonia esquerdista que impõe, através do Ministério da Educação, seus parâmetros pedagógicos abertamente ideológicos, cujo símbolo maior é o pedagogo marxista Paulo Freire, patrono da educação nacional. A revolução marxista vem sendo trabalhada desde os primeiros passos das nossas crianças, que são submetidas a conteúdos que pretendem apenas doutrinar, sem se preocupar em conduzi-las pelos caminhos do verdadeiro conhecimento. A educação estatal, sob o argumento de formar cidadãos com consciência crítica, já fez estragos terríveis em diversas gerações, que crescem habituadas aos cacoetes mentais esquerdistas e aceitando, irrefletidamente e sem conhecer a posição contrária, os bordões e palavras de ordem do marxismo. Os pais, ocupadíssimos com suas vidas profissionais, entregam seus filhos para serem educados dentro do programa pedagógico estatal com forte apelo político e sexual, e muitas vezes sequer tomam conhecimento dos estragos que são socados nas mentes juvenis. O fetiche da educação em tempo integral é o passo final para que os pais deixem de ser os tutores das crianças para repassarem este importante papel de uma vez por todas ao Estado. É preciso despertar para essa temeridade que vem demolindo inteligências para formar bons militantes, sob pena chegarmos a um ponto no qual qualquer reversão só será possível ao custo de conflitos familiares ainda mais agudos e dolorosos.”

Um primor!

A linha editorial dos demais não é muito diferente. Bradam contra a corrupção, Cuba, Dilma e o PT, bolivarianismo, o que eles consideram esquerda, e replicam textos de colunistas como Diogo Mainardi, Reinaldo Azevedo, da Veja, Globo. Foi notícia contra o governo ganha espaço.

Não vi menção a golpe militar. Mas, a julgar pela linha política propagada não é muito difícil eles passarem da defesa do impeachment para uma intervenção “constitucional” das Forças Armadas, como alguns menos tímidos chegaram a defender naquelas manifestações lideradas por Lobão.

São grupos que fazem barulho na Internet. Tenho dúvidas se conseguem levar gente às ruas. Mas de qualquer forma é bom ficar atento com esses ovos de serpente que vem chocando faz tempo.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo