Padre recebe maior cachê da história do RN

“Parabéns à prefeitura municipal: conseguiu quebrar o recorde de maior absurdo da história do show business potiguar. Pagar R$ 221 mil ao padre Fábio de Melo é rasgar o bolso do contribuinte. Foi pra isso o pedido de empréstimo de R$ 300 milhões: para gastar em atrações a peso de ouro em troca de votos e popularidade a partir de ações popularescas? Sou muito mais o padre Zezinho, que faz show terça-feira no Papódromo. Lembro da contratação de um show de Leonardo na Praia dos Artistas que também gerou críticas da mídia. À época, o cantor no auge, custou R$ 200 mil. A prefeita superou as expectativas mais pessimistas. Em nome de Deus (ou da Rosa?), livrai-nos do mal!” Sérgio Vilar no seu blog Diário Tempo

Go to TOP