Para que servem os vereadores?

Ainda sobre a questão dos vereadores. Pode ser excessivo o que vou dizer, mas é a mais pura verdade. Qualquer pessoa de bom senso (e que não precise dessa escumalha) sabe disso e fala disso em reuniões no social. Eu considero os vereadores de Natal uns gângsteres. Estou falando por mim, obviamente.

Ontem, por exemplo, eu estava em um restaurante da cidade, quando chegaram dois deles. Em seus carrões, super-carrões, hiper-carrões. Imensos. Vereador tem salário para comprar um carro daqueles? É claro que não. Qualquer pessoa de bom senso sabe disso. Mas então como é que compram? De onde vem a grana? E no entanto eles dizem representar a população. Falta agulha nos postos de saúde. Eles representam? Claro, o povo pagando a conta de todos os lados e com direito a nada.

Já sei, o povo não é vítima e os escolhem. O problema é que o povo é obrigado a votar. E ai já viu. Por que eles não retiram a obrigação do voto? Não é uma democracia? Então o voto não deveria ser obrigatório. Mas, não, aqui se fala em democracia com voto obrigatório. O contra-senso do contra-senso. Ninguém precisa me dizer que não são os vereadores diretamente que decidem se o voto continua a ser ou não obrigatório.

A besteirada de sempre. Mas façam uma enquete entre eles, nenhum deles quer perder a “boquinha” de comprar os votos, de pegar cargos nas estatais para terem suas eleições, em suma de fazer o proselitismo qualquer, que é o que toda eleição representa nesse país. Enquanto a população continuar miserável e dependente dessa gente, teremos o saque nas contas públicas, leia-se bem entendido, contas do povo. Eles vão para os restaurantes e depois sai publicado nas “colunas sociais” que estavam discutindo política e os rumos da política natalense. Pode isso? E o povo pagando a conta.

Para que serve mesmo um vereador? Para quê, em Marcos Silva? Quanto custa um vereador a sociedade? Sem eles não tem democracia, dizem alguns. Ué, eles são quem impedem a democracia e ainda por cima “usam” a tal da democracia para se beneficiarem. Isso definitivamente não é democracia. É outra coisa, menos democracia. Eles desonestamente sabem disso, e continuam explorando. Isso pode continuar? Enquanto isso pessoas trabalhadoras na labuta do dia-a-dia, suando para ganhar um salário mínimo. E mais: eles, os chamados vereadores são tidos como os “homens” da lei, os legisladores. Quá, quá, quá. Na verdade, são os primeiros a violarem todas as leis. Que moral essa gente tem?

É por isso que a nossa segurança vai tão mal. E o povo pagando a conta. O incrível é que eles continuam circulando nas colunas sociais. O que podemos deduzir dessas colunas sociais? E ainda enchem o peito para dizer que são os representantes da sociedade, que “trabalham” na Casa do Povo. Trabalham? Enquanto não houver uma reforma política profunda nesse país eles estarão sempre ai. E ainda querem aumentar ainda mais o número deles. Dizem que isso é representar a sociedade. Até quando?

ao topo