Parece que é aqui

Amigos:

Muito forte a entrevista de Marianne Birthler sobre a violência da Stasi contra suas vítimas. A descrição de torturas psicológicas, prisioneiros impedidos de dormirem ou ameaçados em relação a filhos e outros parentes parece com situações presentes em presídios brasileiros. Em nosso caso, nem precisam de polícia secreta ou suposto comunismo para fazerem isso – fazem-no em nome da democracia de mercado mesmo. É impressionante. E a imprensa fala menos sobre isso do que deveria e poderia.
Abraços receosos:

Nasci em Natal (1950). Vivo em São Paulo desde 1970. Estudei História e Artes Visuais. Escrevo sobre História (Imprensa, Artes Visuais, Cinema Literatura, Ensino). Traduzo poemas e letras de canções (do inglês e do francês). Publiquei lvros pelas editoras Brasiliense, Marco Zero, Papirus, Paz e Terra, Perspectiva, EDUFRN e EDUFRJ. Canto música popular. Nado e malho [ Ver todos os artigos ]

ao topo