Pro dia nascer poesia

Tolice

Escrevo na areia o meu nome.
A água vem e apaga.

Escrevo na areia o nome do meu amor.
A água vem e apaga.

Onda teimosa,
nada entende de nomes.
Nada entende de amor.

(Lisbeth Lima)

Acredito que música, literatura e esporte são ansiolíticos dos mais eficazes; que está na ralé, nos esquisitos e incompletos a faceta mais interessante da humanidade. [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 5 =

ao topo