Psicólogo americano Michael Shermer debate sobre razão e religião

Ele afirma que o homem usa as suas capacidades racionais para justificar crenças adquiridas desde cedo. Crítico das religiões, ele defende uma visão cética da vida, baseada na busca por evidências científicas.

aqui

Comentários

Há 2 comentários para esta postagem
  1. ISMAEL VIRIATO 25 de setembro de 2012 18:35

    Concordo plenamente com o autor, e mais, tenho CONVICÇÃO de que os maiores conflitos da humanidade são oriundos de crenças religiosas.

  2. Anchieta Rolim 26 de setembro de 2012 8:35

    Concordo com você Ismael. É a indústria do pecado e da fé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo