Quem pergunta quer saber

De François Silvestre, em comentário neste blog: “Se o negócio é vender cultura para turista, pergunto. Quanto custa meio quilo de poesia, trezentos gramas de prosa, meio metro de pintura, dez decibéis de barulho,uma cuia de tragédia, duas garrafas de performance e um dedal de vergonha?”.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo