Rede Potiguar de Teatro realiza o Cabaré do Cascudo nesta sexta

A Rede Potiguar de Teatro em parceria com A.Bo.Ca Espaço de Teatros realizam nesta sexta-feira, o Cabaré do Cascudo, uma celebração alusiva ao Dia do Folclore Brasileiro. A programação inicia às 16h na A.Bo.Ca, localizada na rua Frei Miguelinho, 16, Ribeira.

A atividade iniciará com a roda de conversa “Teatro Contemporâneo é Popular?”, com o Coletivo ES3 (RN) e Gyl Giffony, da Companhia Inquieta (CE). Em seguida os espetáculos “As cores avessas de Frida Kahlo”, do Coletivo Cores (RN), e “Borrado [de como o tempo te revela]”, da companhia baiana A Outra, que está realizando temporada do espetáculo na cidade e intercâmbio com o Coletivo Atores à Deriva (RN).

Como toda boa celebração, a noite encerrará com música. A Outra Companhia de Teatro (BA) apresenta o show cênico-musical “Música de Quinta”, evocando os afetos e exaltando a musicalidade brasileira com muita irreverência. A cada edição um novo tema é abordado, com músicas que traduzem a atmosfera do dia.

O acesso ao Cabaré do Cascudo será gratuito, e somente será cobrado ingresso para os espetáculos “As cores avessas de Frida Kahlo” e “Borrado”, no valor de R$ 10 cada ou R$ 15 casadinha.

SOBRE OS ESPETÁCULOS
As cores avessas de Frida Kahlo | Coletivo Cores (RN)
Pensado a partir da vida e obra da artista plástica mexicana Frida Kahlo, o espetáculo traz em cena a angústia do homem na contemporaneidade. As cenas intimistas remetem aos sentimentos universais humanos, como o amor, a frustração, a dor e a esperança no recomeço. Direção Linabel Sena. Classificação: 16 anos. teatrocores.wix.com/cores

Borrado [de como o tempo te revela] | A Outra Cia de Teatro (BA)
Com temática homoafetiva, o espetáculo parte de fragmentos das biografias dos atores Luiz Antônio Jr e Anderson Danttas, intercruzados a histórias ficcionadas construindo um espaço onde público e atores se debruçam sobre a questão de gênero a partir de objetos, músicas e histórias que revelam a construção da identidade de cada um. Direção: Luiz Antônio Jr. Classificação: 14 anos. [ + ] aoutracompanhiadeteatro.blogspot.com.br

Acredito que música, literatura e esporte são ansiolíticos dos mais eficazes; que está na ralé, nos esquisitos e incompletos a faceta mais interessante da humanidade. [ Ver todos os artigos ]

Comments

Be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP