Romance de autor potiguar será lançado sexta-feira no Ateliê Bar e Petiscaria, com show de Simona Talma

Se tem um livro de autor potiguar que tenho esperado a publicação é este que será lançado na próxima sexta-feira (17), no Ateliê Bar e Petiscaria, Rua Chile. E ainda mais com show boêmio da moça vagal, que se bandeou pelo pop, Simona Talma. A partir das 19h.

unnamedPois a brava Editora Tribo tem a satisfação de anunciar o nascimento do seu sétimo título: Madame Xanadu, do jovem Aureliano Medeiros. Desde que o entrevistei para um breve perfil na finada Revista Preá, fiquei curioso em ler esse livro. Vem com 220 páginas e preço a R$ 30.

Madame Xanadu é um romance escrito e ilustrado pelo autor. Conta a história de uma drag queen deprimida e os momentos que antecedem seu suicídio. É baseado na estrutura do tarô. E, ainda segundo o release, a narrativa não sequencial compartilhada por diferentes vozes dá um tom especial de confusão, indispensável à obra. Um quebra-cabeças que pode ser montado de maneira diferente na cabeça de cada leitor.

Com as palavras do prefácio de Angela Pavan: “Madame Xanadu comove com sua doçura assertiva. Suas dores ganham evidência no grande palco do nosso coração. Seu pesar esplêndido e soberano, como obra de arte que impregna os poros. Ela pode ser todos nós ao mesmo tempo, plasmados em sua alma movente.”

FOTO: SEQUESTRADA DO FACE

Jornalista por opção, Pai apaixonado. Adora macarrão com paçoca. Faz um molho de tomate supimpa. No boteco, na praia ou numa casinha de sapê, um Belchior, um McCartney e um reggaezin vão bem. Capricorniano com ascendência no cuscuz. Mergulha de cabeça, mas só depois de conhecer a fundura do lago. [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo