Salão Dorian Gray está com edital de inscrições aberto

Sociedade Amigos da Pinacoteca (SAP) está promovendo Edital de Seleção para o Salão Dorian Gray de Arte Potiguar que vai reunir, em maio próximo na Pinacoteca do Estado, mais uma exposição de grande porte com o que está sendo pensado e produzido nas expressões artísticas potiguares. O Salão será composto por trabalhos nas categorias de desenho, pintura, escultura, gravura, fotografia, arte digital, imagem em movimento e performance. As inscrições podem ser feitas através do e-mail amigosdapinacoteca@gmail.com até o dia 31 de maio. A seleção será feita por uma Comissão de Seleção do Mérito até o dia 8 de abril e a divulgação dos resultados será no dia 9 daquele mês. Na FanPage do Facebook Sociedade Amigos da Pinacoteca é possível encontrar todo o regulamento e cada artista poderá inscrever até três trabalhos.

A exposição que ocupará boa parte dos salões da Pinacoteca do Estado, será em maio desse ano, com duração de dois meses, até final de junho. Depois as obras do Salão Dorian Gray de Arte Potiguar circularão por mais três municípios do Estado a serem definidos.

De acordo com Dione Caldas, uma das idealizadoras do projeto e filha do grande pintor que dá nome ao acervo que será selecionado, o Salão Dorian Gray de Arte Potiguar não tem caráter meritório ou de premiação. Ele foi pensado para movimentar a produção artística, reunindo trabalhos de expressão nas mais diversas linguagens com o propósito de que elas sejam levadas ao público, bem como também sejam comercializadas e, dessa forma, completem um ciclo de produção, apreciação e aquisição.

“Um dos deleites dos apreciadores de arte é visitar museus e salões para estar perto do que dizem os artistas em suas linguagens. Mas sabemos, que além do valor imensurável de uma obra de arte, o que é produzido também tem seu valor monetário e seu papel na economia da cultura. Um dos nossos objetivos é aproximar os artistas e seus potenciais compradores. Além, é claro, de homenagearmos um dos grandes nomes da pintura e literatura do nosso Estado, Dorian Gray”, explicou Isaura Rosado, uma das maiores entusiastas desse projeto Sociedade Amigos da Pinacoteca.

Jornalista por opção, Pai apaixonado. Adora macarrão com paçoca. Faz um molho de tomate supimpa. No boteco, na praia ou numa casinha de sapê, um Belchior, um McCartney e um reggaezin vão bem. Capricorniano com ascendência no cuscuz. Mergulha de cabeça, mas só depois de conhecer a fundura do lago. [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × cinco =

ao topo