Serejo e Eduardo Jardim dão o tom do primeiro dia do Flipipa

Por Tácito Costa

A mesa com Vicente Serejo e Eduardo Jardim (“Macunaíma e Chico Antônio na biografia de Mário de Andrade”) foi a melhor do primeiro dia do Flipipa. Acho que era meio esperado. Serejo conhece demais as obras de Cascudo e Mário de Andrade, e Jardim é o cara que escreveu a biografia de Mário.

Pelo tanto de conhecimento e porque sempre tem muito a dizer – e diz – teria sido mais interessante Serejo, com mediação, falar sobre Mário, Cascudo e Chico Antonio. Faltou tempo para Jardim abordar com mais tranquilidade o tema e também o seu livro “Eu Sou Trezentos – Mário de Andrade – Vida e Obra”. Mas mesmo assim valeu a pena.

A mesa de abertura com Antonio Cicero e Jards Macalé foi leve e agradável, parecia mais uma conversa numa mesa de bar, com os dois rememorando histórias divertidas do poeta Wally Salomão, tema do bate-papo. Uma pena Jard ter cantado Vapor Barato sem microfone, mesmo eu que fiquei nas primeiras filas não ouvi direito. Depois providenciaram microfone e ele cantou mais umas músicas.

Já a de Cassiano Arruda e o ator Paulo Betti (“Dramaturgia e literatura: “De Antônio Conselheiro a Lamarca”), que encerrou a primeira noite na tenda, rendeu pouco e eu saí no meio, pensando em encontrar o poeta Volonté lá fora pra botar as novidades em dia, mas ele já tinha ido embora.

flipipa2

Não estava na programação, mas foi apresentada uma intervenção sobre a despedida entre Mário e Chico Antonio, nos idos de 1920, muito bonita montada por Dimas Carlos com bailarinos do balé municipal de Natal. Ao final, nos agradecimentos, Dimas disse umas palavras bacanas sobre a importância da diversidade cultural brasileira.

 

Surpreendeu-me a quantidade de pessoas para uma quinta-feira, quando a gente sabe que sexta e sábado são os dias mais fortes em termos de público. A tenda estava quase lotada. Vamos à segunda noite.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:

http://www.flipipa.org/2015/07/confira-as-principais-atracoes.html

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo