Teatro fechado

Em 27 deste março de chuvas o teatro comemora seu dia internacional de forma melancólica em Natal. O desprezo com a cultura recaiu agora sobre o surrado teatro Sandoval Wanderley, fechado para espetáculos por falta de tudo: segurança, acessibilidade, equipamento, acústica, ar-condicionado, etc. A Funcarte iniciou estudo para revitalização do único teatro municipal da cidade. A estimativa gira entre R$ 600 mil e R$ 1 milhão. É notório o orçamento irrisório destinado à cultura cuja gerência ainda é uma fundação. A alternativa para o capitão-mor César Revorêdo driblar o descaso de 17 anos do Teatro é buscar recursos do Fundo Nacional de Cultura (já que esta vila ainda carece de seu fundo municipal de cultura). Enquanto isso, e pelos próximos meses, o teatro permanece fechado ao grande público.

Comments

Be the first to comment on this article
  1. Ana Paula Costa 4 de Março de 2009 20:32

    Discordo de vc em apenas um dos “adjetivos” Sérgio. Difícil acesso. Morei durante 9 anps em Nova Parnamirim e acompanhei, pelo menos, uns 6 Pixinguinhas, pelo simples fato de ser fácil e seguro chegar lá de ônibus, uma vez que o transporte pára na porta. Mas tbm acho q falta mais atenção ao Snadoval, praticamente um teatro de arena, sem comparável no RN. Gosto muito de lá, e faço coro com vc para q o poder público tome providências…

  2. Sérgio Vilar 4 de Março de 2009 22:35

    A acessibilidade, no caso, são rampas para pessoas com deficiência física, corrimão para idosos e espaço entre as fileiras de cadeiras. Foi o que me informou o administrador do teatro, Marcos Martins, Anas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP