Terrorismos

Os atores sociais e políticos que praticam terrorismo, no Brasil, são o poder econômico-financeiro (empreiteiras, empresas de transporte coletivo, mineradoras, indústria do armamento, planos de saúde, agronegócio latifundiário, bancos, oligopólios da mídia…) e o Estado (por meio da atuação de suas forças “de segurança” nas periferias, nos conflitos agrários, nas manifestações…), com uma pequena – mas mesmo assim relevante – contribuição do crime organizado não estatal nem corporativo (especialmente, o tráfico de drogas).

Quem combate o terrorismo são os movimentos sociais emancipatórios.

Adivinhem quais, entre esses atores, a nova “Lei Anti-Terrorismo” proposta pelo governo federal e aprovada pelo Congresso permite enquadrar criminalmente nessa categoria, dependendo do arbítrio de delegados e juízes?

Comments

Be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP