TROVA AO PASSADO

Amanhecer em Pirangi do Sul
Pirangi do Sul

Quem disse que o passado
É traduzido em dor,
Quando as coisas mais doces
E mais plenas, lindas e verdadeiras
Vivi no passado?

Quando as tardes
Caíam suaves…
E as noites se confundiam
Com a minha alegria…

Era no passado,
Que eu corria alegre
Na areia mansa…
E brincava ali.

No meu Pirangi
Nas manhãs da praia,
Brincando na areia,
Peguei tatuís.

Com felicidade,
Feliz, tão feliz…
Foi mesmo no passado
Que eu subia morro,

Rolava na areia
Sorvia satisfeita,
Tanta felicidade…
Lembro-me do passado,

Sim, com nostalgia,
Mas guardo no peito…
Tamanha saudade…

Ela mede hoje
A felicidade
Das minhas fantasias.

Passaram-se os dias…
Cresci, mudei.
Tudo está mudado…

Mas levarei sempre,
Guardado aqui comigo
A felicidade que está
No passado.

Comments

Be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP