Um abraço para Alex Medeiros

Caro Alex:

Assim como Gustavo, eu gostaria muito de encontrar mais vc por aqui e por aí. Esse é o motivo de eu enviar para vc, agora, a letra maravilhosa de “Sinherê” (faz parte de “Arena conta Zumbi”, tem uma gravação arrasadora de Bethânia, com vocalises de Edu) e convidá-lo para cerveja etc.:

Sinherê
Edu Lobo e Gianfrancesco Guarnieri.

Venha,
venha ser feliz, ah venha,
largue seu senhor e venha,
venha que o amor só nasce aqui
venha que essa terra é nossa
e o trabalho é bom, sinherê !

Tenha
paz no coração, sorria enfim,
venha que essa terra é santa
e melhor não há, sinherê !

Aruanda pode ser a paz
mas não é pra já.
Paz na terra
é um nunca se acabar
do amor que a gente quer.

Ah, venha
vem meu bom irmão, vem ser feliz
Ganga Zumba é moço
Ganga é menino rei, sinherê!
Ganga Zumba é moço
Ganga é menino rei, sinherê!

Abraços:

Nasci em Natal (1950). Vivo em São Paulo desde 1970. Estudei História e Artes Visuais. Escrevo sobre História (Imprensa, Artes Visuais, Cinema Literatura, Ensino). Traduzo poemas e letras de canções (do inglês e do francês). Publiquei lvros pelas editoras Brasiliense, Marco Zero, Papirus, Paz e Terra, Perspectiva, EDUFRN e EDUFRJ. Canto música popular. Nado e malho [ Ver todos os artigos ]

ao topo