Um catálogo do curioso e bizarro

“Em 1931, Mario Paz, conhecedor de livros antigos, observou que os bibliófilos costumavam ler os catálogos de livros raros da mesma forma que as pessoas assistem a filmes de suspense.” Umberto Eco

aqui

Go to TOP