Vai, meu pensamento

Por Affonso Romano de Sant’Anna

Recebemos diariamente muitos convites para ver coisas no YouTube. Não há tempo para abrir tudo o que nos mandam. Já havia recebido outras versões desta ária da ópera Nabuco, de Verdi, escrita em 1842.

aqui

Comentários

There is 1 comment for this article
  1. Danclads Andrade 11 de setembro de 2011 18:37

    Algo se perde na costura dos séculos. Mas, não precisa ser nos séculos, nos anos, na vida de cada um. Fases passam, fases vêm… No bailar da vida, o tempo escoa. Lindo. Sem palavras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo