Vida & Movimento

barco

Viver
E apenas
Comer o dia
Com o sabor
Que ele trouxer.
A vida é uma
Mesa farta
De fugazes
Momentos,
De invencíveis
Tentativas de ser
Feliz.
A felicidade é como
Um barco que se vê
De longe,
Mirando o horizonte…
Com eterno anseio
De alcançar a onda
Mais branda…
Assim, como o barco
Que parte e volta
Ao fim de cada dia,
Cada novo dia
Traz diferentes ondas,
Marés e marolas,
Movimento das águas…
O sabor das algas;
Na boca, o gosto do sal;
Nas mãos, as marcas da lida,
No deitar e puxar a rede,
Na esperança do pão;
No olhar, a vaga perdição
No verde.
Altas ondas…
Em cada azul, um novo tom;
Em cada fim de tarde,
A esperança marrom.
A vida é festa, é movimento;
Finita dança…

(Ednar Andrade).

Comentários

Há 4 comentários para esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 + seis =

ao topo