Zé Dias, sobre o Dellicatto

Do produtor musical Zé Dias a respeito do show do grupo Dellicatto, a qual vi ano passado e assino embaixo a opinião e a iniciativa:

“Quase nunca vou a show em Natal, pois considero atraso no começo do show uma falta de respeito a quem sai de casa para lhe prestigiar. Dia 13 ou 14 eu vou ver Essência no Tempo, do maravilhoso grupo Dellicatto, que ao longo do tempo tem apresentado um trabalho de nível nacional. Vou ajudar o TAM lotar e eles se credenciem a se apresentar ou no Auto da Prefeitura ou do Governo do Estado, ganhando um cachê legal para ajudar a bancar suas produções. Vou chamar Khrystal, o Rosa de Pedra, Valéria Oliveira, Carlos Zens, entre outros artistas que trabalharam fora do estado e foram elogiados pela critica nacional, para formarmos um cordão de vitoriosos em prol da musica deste estado e, na saída do Teatro, quando os munícipes passarem e afirmarem que o show foi lindo, nós em uníssono, possamos pedir aos nossos gestores uma participação na “abertura” de um dos Autos, mesmo correndo o risco de, na sua terra, escutar: “Quantas músicas faltam para terminar?”.

Acredito que música, literatura e esporte são ansiolíticos dos mais eficazes; que está na ralé, nos esquisitos e incompletos a faceta mais interessante da humanidade. [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar
  1. Anonymous 4 de abril de 2009 8:20

    Realmente o espetaculo do grupo Delicato Essencia do tempo foi maravilho, tanto quanto os outros espetaculos. Mas infelismente a Produtora Thatiane Fernendes, acabou com o Grupo Delicato, onde nunca mais se ouvira falar em Grupo Delicato, o que sera que houve? Sera envolvimento com Arte Oduto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo